terça-feira, 11 de julho de 2017

LAR








Lar.

A casa da gente. O lugar onde estão as ferramentas que usamos para escrever a nossa história. Nosso local de descanso e recuperação. Nenhum lugar no mundo poderá ser chamado assim, ou ser sentido desta forma. 

Estive pesquisando a origem da palavra "LAR": Do latim Lar, Laris (espírito protetor da casa e da família). Achei linda essa palavra! 

Na antiga Roma, Lares eram espíritos que habitavam uma casa, e que poderiam proteger ou prejudicar os seus moradores. Havia o Espírito Vesta, advindo do fogo - muito importante nos antigos lares romanos, onde mantinha-se  o fogo sempre aceso, a fim de agregar as pessoas ao seu redor. As oferendas aos deuses - comida, sangue, vinho, etc..., - eram colocados diante do fogo.

Sobre os Lares, achei este trechinho na Wikipedia, e trago para vocês:

Na comédia Aulularia de Plauto (c. 230-180 a.C.), pode-se perceber o papel dos Lares no ambiente da família:

"Eu sou o Lar da família que mora na casa
donde me vistes sair.
É esta a casa que eu habito já há muitos anos e é ela que eu tenho protegido,
Tanto para o pai, como para o avô, daquele mesmo que hoje a possui." 

Bonito, não?

Existem várias entidades, ou espíritos, considerados espíritos do lar, tanto para o interior quanto para o exterior da casa. Quem desejar saber mais sobre eles, basta ir até o site Acampamento Júpiter: http://aj-rpg.weebly.com/lares.html

Os espíritas acreditam que alguns espíritos permanecem nos lugares após a morte de pessoas, e passam a assombrá-los ou tornam-se espíritos protetores. Na Bahia, acredita-se em 'Famaliás', ou 'espíritos familiares.' Os tais demônios das garrafas, que podem conceder desejos aos seus 'amos.' 

Mas quer você acredite ou não nos Lares como espíritos, tenho certeza de que você concordará comigo nesta afirmação, que embora seja um clichè, é a mais pura verdade: Não existe nenhum lugar como o lar. There's no place like home.









4 comentários:

  1. O lar é onde o nosso coração está... onde renovamos as forças, onde nos sentimos protegidos... lar é aconchego como coração de mãe...

    Beijos...

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Ana, achei muito interessante seu relato. O Lar é o abrigo da família, nele interagimos com os demais membros, cada um suas especificidades, os pais para conciliar os problemas da família, nosso melhor refúgio, não existe nada melhor . por mais confortável que seja do que o nosso cantinho onde desfrutamos da nossa total liberdade.
    Creio que haja espíritos protetores e até outros de pessoas que desencarnaram e não têm consciência, ficam a vagar precisando de luz para encontrar seu descanso na outra dimensão.

    Feliz e abençoado dia.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Eu concordo com você! Não há melhor lugar no mundo que nossa casa, nosso lar!
    Que lindo o significado em latim da palavra. Sempre bom aprender!
    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. Ana , gostei bastante do post .
    O LAR é o templo que não pode ser violado .
    Ele preciso ser cuidado para ser receptivo .
    Sinônimo de paz , é como o sinto .
    Quero lhe agradecer as visitas a meu espaço .
    Beijos

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa para deixar um comentário, por favor. Espero que tenha gostado. Obrigada pela visita!